DANÇA

 


Apresentação de um grupo de dança.

Apresentação de um grupo de dança.
A dança é uma das três principais artes cênicas da
Antigüidade, ao lado do teatro e da música.
Caracteriza-se pelo uso do corpo seguindo
movimentos previamente estabelecidos (coreografia),
ou improvisados (dança livre). Na maior parte dos casos,
a dança, com passos cadenciados é acompanhada
ao som e compasso de música e
envolve a expressão de sentimentos potenciados por ela.

 


A dança pode existir como manifestação artística
ou como forma de divertimento e/ou cerimônia. Como arte,
a dança se expressa através dos signos de movimento,
com ou sem ligação musical, para um
determinado público, que ao longo do tempo foi se
desvinculado das particularidades do teatro.

 


Atualmente, a dança se manifesta nas ruas em eventos
como "Dança em Trânsito", sob a forma de vídeo, no
chamado "vídeodança", e em qualquer outro ambiente em
que for contextualizado o propósito artístico.

 

 

 

 

História da dança

A história da dança cênica representa uma mudança de significação dos propósitos artísticos através do tempo.
Com o Balé Clássico, as narrativas e ambientes ilusórios é que guiavam a cena. Com as transformações sociais da época moderna, começou-se a questionar certos virtuosismos presentes no balé e começaram a aparecer diferentes movimentos de Dança Moderna. É importante notar que nesse momento, o contexto social inferia muito nas realizações artísticas, fazendo com que então a Dança Moderna Americana acabasse por se tornar bem diferente da Dança Moderna Européia, mesmo que tendo alguns elementos em comum.
A dança contemporânea surgiu como nova manifestação artística, sofrendo influências tanto de todos os movimentos passados, como das novas possibilidades tecnológicas (vídeo, instalações). Foi essa também muito influenciada pelas novas condições sociais - individualismo crescente, urbanização, propagação e importâncias da mídia, fazendo surgir novas propostas de arte, provocando também fusões com outras áreas artísticas como o teatro por exemplo.

Dança e educação

Verderi (2000) considera a educação como evolução e transformação do indivíduo, considerando a dança como um contínuo da Educação Física, expressão da corporeidade e considerando o movimento um meio para se visualizar a corporeidade dos nossos alunos, a dança na escola deve proporcionar oportunidades para que o aluno possa desenvolver todos os seus domínios do comportamento humano e, através de diversificações e complexidades, o professor possa contribuir para a formação de estruturas corporais mais complexas.
Por estes motivos, segundo Nanni (1995), deve-se trabalhar a dança na escola pois ela estabelece limites usando os movimentos, isso viabiliza a possibilidade de estruturação da personalidade e da socialização, pois leva o indivíduo saber o que ele é, sua relação com o objeto e a nível social e pessoal.
O ensino da dança nas escolas brasileiras deve ser abordado dentro do conteúdo Artes, (Teatro, Música, Dança e Artes Plásticas) segundo os Parâmetros Curriculares Nacionais (fonte www.mec.gov.br). A abordagem da dança dentro do contexto da educação física deve auxiliar no preparo físico para que os profissionais de artes possam atuar.

Formas artísticas

Bharathanatyam

Bharathanatyam
Cênicas

  • Dança Medieval
  • Balé
  • Dança Moderna
  • Dança contemporânea
  • Dança Bharathanatyam
  • Jazz Dance

Sociais

  • Dança popular tradicional
  • Dança de salão
  • Dança do ventre
  • Dança de Rua

Balés de repertório

  • O Lago dos Cisnes
  • O Quebra Nozes
  • A Bela Adormecida
  • Don Quixote
  • Giselle
  • Romeu e Julieta
  • La Sylphide
  • Coppélia
  • Petrushka
  • Spartacus
  • A Sagração da Primavera
  • Pássaro de Fogo
  • Harlequinade
  • La Fille Mal Garde
  • La Bayadère
  • Satanela
  • Paquita
  • Diana e Acteon
  • Chamas de Paris
  • Le Espctre De La Rose
  • Le Corsarie
  • Les Sylphides
  • La Esmeralda

Ver também

  • Lista de danças
  • Lista de coreógrafos famosos
    Lista de bailarinos famosos Wikiquote
  • Lista de festivais de dança
  • Sapateado
A legislação que atualmente regula os direitos autorais no Brasil é a
lei 9.610, de 19 de fevereiro de 1998.
Audiovisual para fins pedagógicos, científicos, tem uma
redução da proteção do titular de direito em favor da sociedade que é usuária.
Sobre o :

Portal criado em 1999 com o intuito de tornar a arte mais fácil e prazerosa de se conhecer. Pretendemos atingir todos os públicos, de todas as idades, através de vídeos, ilustrações, textos e todos as midias futuras que vierem a ser acessíveis.

Pesquisamos em diversas fontes e fazemos um mix das informações, sempre verificando e comparando as mesmas para dar autenticidade ao nosso conteúdo.

Todo o conteúdo aqui encontrado é gratuito e livre para compartilhar de acordo com a especificação de cada autor e obra. A partir de Janeiro de 2011 começamos a contar com a ajuda, através dos conteúdos dos internautas, apaixonados por arte, dos mais diversos cantos do Brasil e do Mundo.

Seus
videos, slides, textos, áudios e tudo mais que vocês, artistas anônimos da web, puderem contribuir, será bem vindo, para este portal abranger cada vez mais estilos e culturas diversas.

Nós estamos aqui dispostos a colocar tudo de forma organizada e bem distribuida dentro do Portal. Contamos com a ajuda de todos neste projeto.

Obrigado por sua visita.
Equipe Portal Compre Arte.
 
Você pode colaborar com este projeto. Contribua com qualquer quantia clicando em um dos botões ao lado:
 
 
http://pt.wikipedia.org

 

Mapa do Site www.portaldarte.com.br Home
©1999/2012 Portal D'arte. Todos os direitos reservados.